• Marina Camargo

Campo Harmônico (parte 1)


Primeiro, Feliz 2017! Espero que esse ano seja de muito aprendizado para todos nós!

No post de hoje falaremos do Campo Harmônico, que é o conjunto de acordes formados a partir das notas de uma escala.

Cada nota irá formar um acorde que pode ser maior ou menor. Para formar os acordes você usará sempre a mesma fórmula: 1º, 3º e 5º graus da escala.

Por exemplo: para formar o acorde de Dó, dentro da escala de Dó Maior, eu uso a nota Dó (1º), Mi (3º) e Sol (5º). Essas três notas formam o Acorde de Dó Maior.

Ainda dentro da escala de Dó maior, vamos agora pegar a nota Ré. Ré será o 1º, Fá será o 3º e Lá o 5º grau. Agora com as notas, Ré Fá Lá, tenho o acorde de Ré Menor.

E porque a nota Dó formou um acorde maior e a nota Ré um acorde menor?

Elementar meu caro Watson ;)

Isso acontece porque temos uma diferença de tons na formação dos intervalos.

O que caracteriza um acorde é a sua terça, que é o intervalo entre o 1º e 3º graus.

Se o intervalo for de uma terça maior o acorde será maior, se o intervalo for de uma terça menor o acorde será menor.

Voltemos ao exemplo acima: de Dó a Mi temos um intervalo de terça maior porque temos 2 tons, portanto o acorde será maior. Já de Ré a Fá temos uma terça menor porque temos 1 tom e meio, portanto o acorde será menor.

E como eu calculo a quantidade de tons?

Essa resposta está no post "O que é uma escala musical?"

Se seguirmos essa mesma regra para todas as notas formaremos 7 acordes dentro da escala de Dó maior que chamaremos de Campo Harmônico de Dó maior, como na figura abaixo.

Mas afinal, pra que serve esse tal de Campo Harmônico? Serve para muitas coisas!!!!

Dentre uma delas está reconhecer a tonalidade de uma determinada música.

No post passado "Qual é o tom maestro?!" eu expliquei sobre como determinar o tom de uma música. Os acordes estão dentro dessa mesma idéia. Se você conhece o campo harmônico da tonalidade da música que está tocando fica muito mais fácil entender a harmonia em questão. Além do mais você tem as funções de cada acorde dentro do campo harmônico e isso também fica mais claro com o conhecimento desses acordes.

Se você fizer o campo harmônico da escala de Sol maior, por exemplo, vai perceber que os acordes maiores e menores estarão nos mesmos lugares.

Então existe um padrão de acordes do campo harmônico maior, que é:

I IIm IIIm IV V VIm VIIm(b5)

Onde o I, IV e V graus serão sempre acordes maiores. O IIm, IIIm e o VIm serão sempre acordes menores e o VIIm(b5) será menor com quinta diminuta.

O exercício que proponho é: escreva no seu caderno de estudo todos os campos harmônicos das escalas maiores, tendo como base essa fórmula. Depois toque esses acordes no acordeom.

Dessa forma você irá memorizando aos poucos o campo harmônico maior.

Ainda temos que falar dos campos harmônicos menores nas suas três formas.

Mas isso é assunto para o próximo post!

Tchau!!!

Aqui um vídeo sobre campo harmônico.

#campoharmônico #acordes

0 visualização